__________________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________________

Em cada um de nós existe um poema .
Um por escrever ... um escrito que se quer procurado e se mantêm escondido na alma ... no coração.
Ser poeta ... não é escrever poemas.
É saber descobrir na poesia ... a parte que falta em si, a parte que falta ... nos outros .

Urbano Gonçalo




sábado, 19 de junho de 2010

Tributo a Saramago

Hoje é um dia de perda para as letras . Não só em Portugal, mas também no mundo. Saramago conseguiu com a sua postura intransigente, o seu olhar impiedoso sobre o mundo, tocar nas feridas e ousou mesmo expor as mesmas. Nunca li um dos seus livros na verdade, não sei mesmo se o farei, no entanto admiro a sua rectidão, a sua independência literária e muitos dos seus princípios e inequívoca qualidade. Saramago morreu fisicamente neste dia, mas ... precisamente deste modo, nasceu hoje para a imortalidade, dos génios da literatura
Pessoalmente, prefiro pensar que de algum modo, neste momento ele estará a tirar as dúvidas que tinha sobre o céu e a terra, sobre as crenças e as religiões que ele tanto abalou com a sua frontalidade e pontos de vista. 
Adeus Saramago, a tua memória será sempre recordada, os teus livros serão sempre exemplos, a tua escrita não mais será igualada.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...