__________________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________________

Em cada um de nós existe um poema .
Um por escrever ... um escrito que se quer procurado e se mantêm escondido na alma ... no coração.
Ser poeta ... não é escrever poemas.
É saber descobrir na poesia ... a parte que falta em si, a parte que falta ... nos outros .

Urbano Gonçalo




terça-feira, 1 de março de 2011

La Forma Del Mio Cuore...




A forma do meu amor, está no céu e no vento, que transporta nuvens de doce algodão.

A forma do meu amor, é sangue e água do rio Jordão.



É flor que amanhece acordada pelo sol, que lhe limpa uma gota de orvalho, deixada pela noite que ali chorou farta de indiferença.
Mas isso não lhe fará ... diferença, pois ela continuará lá até um dia alguém a querer para si.

O olhar da criança que a colher, correrá o mundo no meu amor ... na tua, nossa felicidade.
A forma do meu coração ... és tu certamente.
A forma do meu coração, diz-me do céu, que é tua a minha vida, que é meu o teu sofrer, e que te amarei até ... morrer.



A forma do meu amor, diz-me tudo, diz-me que este saber de tantas coisas e de coisa nenhuma, projecta-nos a alma no clarão de lustres de puro cristal, nos radiosos salões magníficos de um palácio encantado ... edificado no desejo.

A forma do meu amor ... é tudo, é nada, é o incomparável do momento, é um insubmisso potro selvagem que corre rumo ao pôr-do-sol.

A forma do meu amor ... do meu amor ...

5 comentários:

Juliana. disse...

Belas palavras meu amigo, adocicadas com a grande inspiração dos poetas: o amor!
A forma do teu amor é você quem faz..quem constrói, quem forma!
Um abraço meu amigo!
da Ju

Fatima disse...

Quando se tem amor, tens uma alavanca que move o mundo, quando não se tem, não conseguimos nem forças para mover o primeiro passo. Amar é sinônimo de doar. Amor, essência da vida, palavra tão importante e ao mesmo tempo tão mal compreendida, e é por ser mal compreendida, que a humanidade vive cada dia mais perto do próprio colapso.

Bjs.

Regina Rozenbaum disse...

Ah que forma linda tem seu coração...ah que forma verdade tem esse amor...
Beijuuss no seu coração!

JB disse...

A forma do teu amor... terá a forma dos sentimentos que o fazem florescer numa escrita onda as palavras nos tocam a alma... e essa tem a forma de tudo... de uma doce prosa poética tão bem acompanhada pela música escolhida!

Linda, esta forma de amar a escrita!

Obrigada por este momento!

Beijinhos

Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog "to fora to dentro". Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...