__________________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________________

Em cada um de nós existe um poema .
Um por escrever ... um escrito que se quer procurado e se mantêm escondido na alma ... no coração.
Ser poeta ... não é escrever poemas.
É saber descobrir na poesia ... a parte que falta em si, a parte que falta ... nos outros .

Urbano Gonçalo




quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Solidariedade

Olá, depois de um inicio promissor ( textos em Àrabe e Latim), eis que volta tudo ao normal.
É que isto de escrever e não se conseguir ler nada devido ao idioma, é uma seca.
- Este gajo deve ter a mania, escrever em ...Àrabe ou lá o que é!!!!
Eu não ouvi, mas imagino. Não se preocupem porque eu também sempre que ouço os politicos a falar na TV, não percebo patavina, ele é um tal de comissões para cá inquéritos para lá, e as ditas conclusões... está bem , está!
Fato Italiano, sapatos também e gravatas de seda Turca. (compre o que é nosso!!???)
Carros Alemães, chofer, isenção de I.V.A, comida de cantina ..., telemóvel, viagens grátis, etc, etc.
É de bradar aos céus, ou melhor aos ouvidos dos eleitores quando eles felizes da vida vão abdicar de um pouco do seu descanço, para gentilmente se meterem novamente na boca do lobo. Sim , porque ou ganha o Zé, ou o João. Por muito que rabujem, os outros ficam-se pelas intenções (boas???), mas eles sempre souberam disso, só assim se justificam certas tomadas de posição tão liberais. (para ser simpático).
Tal como dizem os bem intencionados às criancinhas que perdem um jogo: - O importante não é ganhar, o importante é participar. E neste caso dos ditos pequenos partidos, o importante é conseguir entrar na "Assembleia da Republica". Depois disso já ninguém se chega a eles para dar beijinhos (era bom!!!), já não é preciso arregaçar as mangas à parolo, nem visitar feiras e romarias (possa!!!).
Cresçam meninos, cresçam e  "apareçam" ao menos mais vezes na Assembleia para disfarçar. Gostava de vos ver ganhar o ordenado mínimo, levar sandes para o almoço, andar à  "batatada" como os chineses, e depois da legislatura regressarem à estiva como o fez o Walesa, depois de lembrar ao mundo o significado da palavra " SOLIDARIEDADE" (Lembram-se dele??!!!)

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...