__________________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________________

Em cada um de nós existe um poema .
Um por escrever ... um escrito que se quer procurado ... e se mantêm escondido na alma ... no coração.
Ser poeta ... não é escrever poemas.
É saber descobrir na poesia ...
a parte que falta em si ...
a parte que falta ... nos outros .

Urbano Gonçalo




segunda-feira, 14 de maio de 2012

Angel



Quem consegue ... parar os pensamentos?!!
Como seria conseguir realmente estar alguns momentos com o nosso cérebro ... desligado?!!
Já o tentei fechando os olhos, mas ... todo um sem número de imagens, de pronto o invadiu, de pronto o ocupou.
Já o tentei tapando os ouvidos, mas ... todo um sem número se sons, de pronto os invadiu.
Imagens, sons, memórias, desejos.
O que se passa connosco verdadeiramente?!!
Porque não podemos "parar" um pouco, desligar?

Qual Saramago, pensei num "ensaio sobre a cegueira", no entanto cedo me desiludi.
As imagens e os sons ... apoderam-se de nós ainda disso não somos conscientes. Cedo, cedo, o nosso cérebro é invadido, corrompido, deturpado, manipulado, ele sabia, eu sei mas, será só isso?
Existirá em tudo o que vemos, uma verdade incómoda?
Tudo o que ouvimos será verdadeiramente ... falso?
Qual a verdadeira oferta da vida?
Tarde, tarde ... com muita sorte, disso nos ... aperceberemos.

Quiçá, ainda antes ... muito antes, da chamada de um anjo ... a gente ouvir.

2 comentários:

Regina Rozenbaum disse...

O único jeito, e com muiiiiito treino e disciplina, dizem os budistas que conseguimos esse estágio de ausência de pensamentos,imagens com ME-DI-TA-ÇÃO!
Beijuuss, amado, n.a.

Th@iná disse...

Gostei muitíssimo das suas postagens!!
Sensibilidade excêntrica .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...