__________________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________________

Em cada um de nós existe um poema .
Um por escrever ... um escrito que se quer procurado ... e se mantêm escondido na alma ... no coração.
Ser poeta ... não é escrever poemas.
É saber descobrir na poesia ...
a parte que falta em si ...
a parte que falta ... nos outros .

Urbano Gonçalo




domingo, 8 de julho de 2012

Slave to love


Como pode o amor assustar alguém?
Como pode um gesto de simpatia, uma oferta, um olhar carinhoso, um carinho inocente assustar ... ofender?!!
Como pode algo ou alguém ser mais importante do que o que nos vai no coração?!
Porquê resistir, porquê dizer NÃO?!!
Como confundir amor verdadeiro, de aproveitamento mal intencionado?!!

Porquê ignorar quem nos abre o coração, e nos deixa a sua alma a ... nu?
Porquê viver calcando as lágrimas, de outrem ... por nós?!!
Porque teimamos em ser cegos, em fugir da felicidade?

A noite, foge do dia, mas não sem antes aguardar um breve e ínfimo instante, para o ver, e ... para com ele sonhar.
O dia, faz igual, mas ... esse ... sonha acordado!
A diferença entre quem se dá e quem se afasta é precisamente essa, um sonha na magia da noite, o outro sonha ... à luz do dia, sem magia, tentado esconder os seus sentimentos, dos olhares de reprovação dos outros.
Mas ... que interessam os outros?!!






2 comentários:

Regina Rozenbaum disse...

Também não compreendo. Talvez momentos divergentes...bem como escreveu: dia-noite, sol-lua, preto-branco, forte-fraco...sei lá!
Beijuuss, amado, n.a.

Por que você faz poema? disse...

Fugir do amor
é fugir de si mesmo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...