__________________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________________
LIMPAR UMA LÁGRIMA ... NÃO É APAGAR UM SENTIMENTO, NÃO É SARAR UMA FERIDA, NÃO É ... ESQUECER!

POR VEZES, VALE A PENA PENSAR NO IMPENSÁVEL, E VALE A PENA IMAGINAR O ... INIMAGINÁVEL !

ESCREVO O QUE O MEU CORAÇÃO MANDA, E A MINHA ALMA ... PERDOA!

EM TODA A GRANDE MENTIRA, EXISTE SEMPRE UM POUCO ... DE UMA GRANDE VERDADE!

NÓS ... SOMOS NO FINAL, "AQUELE" POR QUEM SEMPRE ... ESPERAMOS!

AO CONTRÁRIO DE MUITOS, EU NÃO CONHEÇO O MUNDO, MAS ... ELE CONHECE-ME A MIM!


Urbano Gonçalo


domingo, 27 de novembro de 2016

O Delicado som do silêncio


Em cada um de nós existe um poema.
Um por escrever ... um escrito que se quer procurado ...
e se mantêm escondido na alma ... no coração.
Ser poeta ... não é escrever poemas.
É saber descobrir na poesia ...
a parte que falta em si ...
a parte que falta ... nos outros.


 
Este é o meu mais recente trabalho literário.
Depois de realizado o sonho " Genéve " eis que outro sonho surgiu possivel após convite da editora.
O Delicado som do silêncio ( Blogue ) deu assim lugar ao livro que eu faz tempo desejava.
Já disponivel para venda nos Link´s abaixo.
Boa leitura.
 
 
 
 

domingo, 16 de outubro de 2016

Genéve


 


Este é um sonho, finalmente realizado!!!
Após uma menção honrosa, no Prémio Literário Manuel Teixeira Gomes
( edição 2010/2011 ), eis a publicação do meu romance, que surge assim finalmente no mercado!
Para além da versão em livro aqui demonstrada, existe ainda uma versão e-book para quem prefira o género!!

Interessados em adquirir um exemplar da obra, poderão fazê-lo em :
www.artelogy.com
ou visitar o link em baixo.
Poderão ainda solicitar um exemplar em qualquer livraria em território nacional.
Por esse mundo fora, quem desejar um exemplar, deve comprar o mesmo no site da editora e irá receber o mesmo comodamente em sua casa, seja ela ... onde for!!
Boas leituras!!

https://facestore.pt/facebook/index.php/store/fdetails/product?app_data=%7B%22face_id%22%3A%22220712618098018%22%2C%22prod_id%22%3A%22314%22%2C%22store_id%22%3A%221652%22%7D

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Louder Than Words


Sinto ainda em mim ...
palavras por dizer
Silenciosas, fugazes ... afoitas qual dúbia
madrugada não saem, não o querem fazer ...

Gritam no seu silêncio mordaz ...
gritam sentimentos ...
Sentimentos maiores do que as palavras os sabem
gritam ... de tanto por esquecer neles

Teia de medos e remorsos ...
nefastas incompreensões ilusórias ...
lágrimas que viajam sós ... pelo meu rosto
desaguam nos meus lábios, desejosos ... do teu gosto

Tão alto ... chamo por ti
tão alto ... empurro as palavras que se agigantam na minha boca
Mais do que as palavras ...
eu sinto-te, eu vejo-te, eu amo-te ...
e quero ... to dizer











quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Go to vacations ...

 
 
Go to vacations !!!
 
Esta primeira metade do ano viu-me um pouco arredado do blog!!
Por diversos motivos, mas sobretudo pela vertente desportiva que eu abracei faz já algum tempo atrás!
Vertente essa (maratonas MTB) que obviamente requer preparação, treino ...
Deixo aqui como de costume um pouco mais da minha zona de habitat, aliada desta feita á minha vertente desportiva!!
 
Depois das férias, já está agendada e em produção (finalmente!) a publicação do meu romance "Genéve", na qual eu tenho vindo a trabalhar, e cujo contrato com a editora já foi celebrado.
 
Outono e Inverno são naturalmente os meus tempos de quadros e livros, por isso eles surgirão naturalmente como de costume!!
 
Até lá então ...
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

domingo, 17 de julho de 2016

Um dia de loucos



 
 
Um dia de loucos !!
Quem nunca teve um ?!!
 
Este é o meu mais recente trabalho em colectâneas.
Uma história verídica, um dia ... atípico !!
 
 
obs: Interessados em adquirir um exemplar, poderão fazê-lo no site da Papel D`Arroz Editora.
 
 

domingo, 14 de fevereiro de 2016

Rio de flores


                     Este é o meu mais recente quadro.


                                     Rio de Flores

 
Óleo sobre tela
By - Gondol.
 

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Um litro de lágrimas



Nada como começar um novo ano com ...
novos projectos!
Este é um que eu tinha na "calha" e que felizmente ganhou vida.

Esta colectânea de poemas e poetas, histórias e escritores, incluí um meu trabalho
do qual me orgulho particularmente.


 
 
 
 
 
 

domingo, 20 de dezembro de 2015

Feliz Natal.



Natal é quando nasce uma criança ...
Quando com ela renasce a esperança ...
Quando a vida em nós rejubila

Natal é ver alegria nos olhos dos nossos filhos ...
Nos olhos de quem amamos ...
De quem ... nos ama

Natal é partilhar o calor de uma lareira  ...
Sentir-nos nos braços de outrem ...
Olhar as estrelas no frio da noite, que nos acalma

Natal é o presente que se embrulha ...
Não o que se abre ...
Natal é um aroma que emana pelo ar ...
É essencialmente ... poder sonhar

Natal és tu ...
Sou eu ...

Natal está nas ruas ...
Está no ar ...
Está numa qualquer musica ...
Num qualquer poema ...
Num qualquer abraço ...
Num qualquer beijo ...
Num qualquer sorriso ...
Numa qualquer recordação ...

Mas essencialmente ... verdadeiramente, está em todo e em cada ... CORAÇÃO !!!





domingo, 29 de novembro de 2015

Love of my life



Já alguém disse : ... recordar é viver !!

Peripécias deste grande grupo há parte ...
Peripécias deste grande cantor há parte ...
Em algum momento da vida, cada um de nós se identificou com este tema!!
Belo, sentido ... correu o mundo na boca de muita gente, no coração de muita gente!

Recordar é ... viver!!
Recordemos então a música, recordemos então o tal ...
Love of my life ... de cada um de nós!!






domingo, 8 de novembro de 2015

What Are You Waiting For?



Mais um ano a chegar ao fim!!
Mais um ano que se aproxima e se deseja ... melhor!!
Mas ... será que se pode fazer melhor?!!
Será que para podermos seguir em frente, não precisaremos de arrumar as tralhas do passado?!!
Aquelas coisas, aqueles assuntos ... por resolver?
Porquê esperar?
Para quê?






domingo, 13 de setembro de 2015

Nothings Impossible ...



Dá-me uma razão ...
um simples facto ...
algo que me esmague ...
me retire a esperança, que me faz sobreviver

Um momento ufano ...
esse teu poema ...
esse teu velho tema ... inócuo

Essa espécie de sinal que emanas ...
o mundo inteiro que te rodeia ...
e não profanas

Barco sem água ... vela sem vento ...
nunca viste nada mais do que ... um momento
um simples impensado ... momento

Dá-me uma razão ...
um simples facto ...

Dá-me um teu pensamento ...
mesmo que abstrato ...
mesmo irracional ...
mesmo desconexo ...

Não acredito no que me queres fazer crer ...
não acredito em não mais te poder ver ...
mesmo num outro mundo, eu vou por ti caminhar ...
vou por ti viver e nunca, mas nunca ... padecer
nada é impossível ... vais ver !








sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Volto já ...





Fiquem bem !!

A segunda metade do ano Deus sabe como será !
As ideias são muitas, as vontades ... também, os projetos poderão ou não vingar, mas ... eu vou batalhar por eles.
Até lá, venham as merecidas férias, porque eu ...
Novos poemas, quadros, livros é no Outono / Inverno que eu os procuro mais.
É essa altura do ano que a minha "parte Balança" se sobrepõe ao meu ascendente ( não digo qual é !! ).
Como sempre ... seguirei o meu coração, e ... logo se verá !!

Deixo como sempre música !
Essa tal que me impulsiona diáriamente no bom sentido !
Espero que também seja o vosso caso !
Até breve !!




Quem se lembra destes miúdos ?!!
Pois é !!
Eles ainda mexem e ... enchem estádios !!



domingo, 9 de agosto de 2015

Senhor da Pedra






Vou de férias!!
Mas antes deixo aqui um pouco mais da minha "terra"!
Eleita uma das quinze mais belas praias do mundo, ela tem nesta capela secular o seu expoente máximo!
Palavras para quê?
Vamos ver ...

Até breve!



sábado, 20 de junho de 2015

World In My Eyes




Deixa que te fale dos meus olhos!
Eles que te vêem como ninguém ...
Te amam com subtileza ...
Que nunca duvidam, da sua certeza

Deixa que te invadam o coração com paixão ...
Te levem mundo fora nas asas de uma andorinha
Te mostrem o mundo pelos meus olhos ...
Para que vejas tudo aquilo, que por ti ... abdicaria

Sorriste ... sorrimos ...
Assim foi a primeira vez, assim será sempre ...
aos meus olhos
Uníssono ... empatia ... cumplicidade
Deixa que os nossos olhos ... se amem de novo ...
deixa que se amem como naquele dia ...

Deixa que falem ...
Pois só eles sabem ... só eles compreendem os
nossos corações exaltados ... por esta exígua
inquietude inamovível ... tonta

Os meus olhos ...
sorriem e choram por ti ... só por ti ...
O coração ... o resto do meu corpo ...
não se resigna e corre em cada nuvem ...
em cada gota de chuva ...
em busca de ti

Deixa que te mostre o mundo ...
pelos meus olhos ...
então ... compreenderás !!







domingo, 31 de maio de 2015

Recordar ...


Mais uma recordação que retiro do baú das memórias!

Miami Vice essa série que catapultou para os dias de hoje todas as outras que atualmente vemos (CSI`s então!!).
Para mim, o que mais gostava nela e o que melhor me lembro até hoje, era a sua banda sonora.
Dois dos meus músicos preferidos de sempre (Jean Michel Jarre e Vangelis) deram as mãos para tocar esta melodia inesquecível!
Vamos ouvir e recordar, ou ... no caso dos mais novos ... ficar a conhecer!!



domingo, 10 de maio de 2015

If you don´t know me ...

 
Bom ... eis que regressa o baú das memórias!!
 
Por estes dias, alguém me disse que eu era uma caixinha de surpresas e ... um eterno enigma por descobrir, tão fechada é a minha alma, tão grande consegue ser o meu distanciamento a tudo aquilo e a todos aqueles que me magoaram em algum momento da vida. 
 
Não sei que responder!
 
Mas ...  talvez os ouvidos, descubram ... entendam, aquilo que os olhos não conseguem.
 


sábado, 4 de abril de 2015

Luz Henriques



Nomes que se conhecem ou ... talvez não!
Certo, certo é que existem, criam arte, geram paixões, controvérsias ... admiração.
Aqui "apresento" uma digna artista, uma notável desconhecida (?!!) para muitos, mas ... não para mim!

 
 
 

segunda-feira, 16 de março de 2015

Amor adormecido


A falta de algo em mim ...
esconde-se em ti
as palavras que me fogem, sorrisos e suspiros contidos
devaneios ... anseios ... sonhos perdidos.

Aparente loucura, esta minha incessante procura
profana, obscura ... sem cura
olhar solitário, pensamento distante ... a cada instante
desde que te vi e ... por aí adiante.

A surpresa de te encontrar, no doce sonho da vida
no doce sonho que imaginei ... por ti
sumptuosa entrada ...  saída em glamour
recebo-te vestido, deixas-me despido ... de mim.

Assim eu te guardo nas profundezas do meu coração ...
no fogo voraz da minha alma, e todo o meu ser
em lágrimas saudosas se deita ...
quando no gelo das minhas mãos, derreto inconsolável
este amor adormecido ...
que trago no peito.






domingo, 22 de fevereiro de 2015

Amor Eterno - Antologia.



Mais um projeto que abraço, mais uma aventura.
"Amor Eterno", todos o procuram, desejam,
sonham com ele, mas ... será que existe?!!
Bom ... eu nesta antologia, faço prova disso com quatro "crónicas" de amor.
Mais não digo, terão de ler mesmo!!





 - Obra disponível para compra no site da editora -

domingo, 25 de janeiro de 2015

From The Inside ...






      Heavy thoughts forcing their way out of me ...     



sábado, 10 de janeiro de 2015

Gondol


 
 
Gondol
 

 
Óleo sobre tela
 
 
Ano novo ...
Quadro novo também, este porém começa uma nova "era", pois irei passar a assinar todos os meus novos quadros sob o pseudónimo ... Gondol.
 
 
 
 

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Boas festas

 
BOAS FESTAS
 
 
A todos os que por aqui passaram ... passam, a todos os que partilharam comigo ao longo deste ano, leituras, música e imagens, a todos desejo um Feliz Natal e um Feliz Ano Novo.
 

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

O silêncio da Solidão



A sair durante o próximo mês de Dezembro, esta Antologia conta com a minha participação.
Alguns dos meus poemas e uma biografia minha, farão companhia a vários outros poetas, no que poderá ser ... uma bela prenda de Natal!!

 




Eventuais interessados em adquirir algum exemplar, poderão fazê-lo em:
www.nospoetaseditamos.net

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Poemário


Este novo projeto que eu abraço, consiste em tornar um NoteBook vulgar, em algo personalizado mais agradável ao quotidiano de quem como eu, gosta de organizar ou ... reorganizar constantemente a sua vida.
Trezentas e sessenta e cinco páginas, trezentos e sessenta e cinco poemas, de outros tantos autores, onde eu feliz me incluo num mês especial e num dia ainda mais especial para mim.
Aqui ficam as imagens.
Quanto ao meu poema ... bom, não seria justo para quem vai adquirir o Poemário (qualquer um pode!), ler um poema ... que já dera a volta ao mundo, não é?!!




  
 
 

domingo, 19 de outubro de 2014

De volta ...


De volta à "baila", o meu Pessoa participa atualmente no
Prémio de Pintura Elena Muriel.


                                    O meu Pessoa

 
Óleo sobre tela
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...